Passo a passo para fazer uma apresentação de impacto

Passo a passo para fazer uma apresentação de impacto

Fazer uma apresentação sem um planejamento prévio pode se tornar um grande desastre, em especial porque você corre o risco de não conseguir conquistar a atenção do seu público. Por isso é fundamental que você aprenda como fazer apresentações de impacto.

Neste contexto, vamos imaginar que você tem à sua frente uma plateia numerosa e uma grande oportunidade de colher resultados positivos, como novas apresentações, crescimento profissional e desenvolvimento de carreira. Enfim, você possui todos os ingredientes para ter muito sucesso.

Aliás, você tem quase todos os requisitos para falar bem, conquistar pessoas e construir uma ótima imagem profissional. Falta apenas o caminho, o passo a passo de como fazer apresentações de impacto; e isso, na verdade, é a cereja do bolo, acredite.

É por isso que hoje vamos conversar sobre os melhores detalhes das apresentações que realmente conquistam a atenção e a admiração das pessoas. Continue aqui conosco, tome nota de todas as informações e conquiste de vez notoriedade nas apresentações.

Antes do passo a passo, conheça alguns erros cometidos com frequência em apresentações

Tão importante como ter um norte para montar uma grande apresentação, é essencial que você não cometa alguns erros que, infelizmente, acabam arruinando grandes temas, oportunidades de encantar diferentes plateias e possibilidades de construção de uma ótima imagem profissional.

1. Não pesquisar sobre o tema

Esse é um equívoco bastante comum, pois encontramos diversos apresentadores que preferem improvisar sobre um assunto que julgam saber o suficiente. Quando você abre mão do trabalho de se atualizar, certamente deixará para trás informações que são bastante importantes.

2. Não praticar

Quanto mais praticamos algo, melhor ficamos. E isso serve para todas as coisas na nossa profissão, inclusive as nossas apresentações. Quanto mais você treinar todas as partes da sua participação, mais natural e interessante ela se tornará.

3. Colocar-se acima de toda a plateia

O apresentador que se coloca totalmente em posição superior à plateia acaba por afastá-la, criando obstáculos. Isso acontece porque a falta de empatia prejudica a interação e a receptividade das pessoas. O fato de ser você o apresentador não deve te colocar num pedestal.

4. Esquecer que o corpo fala

O conteúdo falado da sua apresentação é tão importante quanto a sua linguagem não verbal. Seu corpo, sua postura e a sua energia são componentes fundamentais para gerar engajamento com a plateia. O apresentador que dá valor apenas para o texto acaba perdendo o brilho.

Passo a passo para fazer uma apresentação de impacto

PASSO 1. Conheça o perfil do seu público

Para quem você falará? Essa é uma das informações mais importantes na hora de planejar uma apresentação de sucesso, pois a sua linguagem, suas roupas, sua entonação e toda a maneira de expor o seu conteúdo deve equivaler ao perfil da sua plateia.

Por isso, esqueça a ideia de criar uma apresentação generalizada e ponto final. Isso só vai trazer prejuízos para a sua carreira. Ao invés disso, estude sobre os gostos do público e também sobre a maneira como ele se comporta. Com isso, você terá informações personalizadas e ricas para a sua apresentação.

PASSO 2. Planeje-se

O planejamento é a sua grande arma para ter sucesso nas apresentações. É por ele que você decide que caminho seguir, escolhe opções de acordo com o seu público e faz projeções a respeito da possibilidade deste ou daquele posicionamento ser mais bem aceito pela sua plateia.

Como você já fez todos os levantamentos a respeito do perfil do seu público, terá à disposição todas as informações mais relevantes para se planejar bem, incluindo oportunidades e excluindo possibilidades de pontos negativos na sua abordagem.

PASSO 3. Os recursos utilizados

Para ter sucesso na sua apresentação, não basta conhecer a fundo o perfil da sua plateia e planejar a sua abordagem. É preciso escolher com muito cuidado os recursos utilizados, pois eles serão um suporte essencial para chamar a atenção do seu público, seduzi-lo e levá-lo para o caminho que você deseja.

Slides, vídeos, animações, imagens impactantes e tudo o que enriquecer a sua abordagem. Mas é importante mencionar que os recursos devem fazer sentido na sua apresentação. Por isso, não use um determinado artifício nas suas abordagens simplesmente porque está “na moda”.

Tudo precisa ter relação com o objetivo da sua apresentação, com o seu estilo de comunicação, com o perfil da sua plateia e com o tema principal da sua abordagem. Senão você corre o risco de transformar temas importantes numa verdadeira salada.

PASSO 4. Não seja artificial

Um grande erro cometido por alguns apresentadores é tentar imitar o estilo e os trejeitos de outro apresentador famoso ou de alguém que tenha muita influência na sua formação. Usar boas referências é enriquecedor, mas fazer verdadeiras cópias tende a levar a plateia ao desinteresse.

Quando você tenta ser outra pessoa para ganhar a atenção de um grupo, vai deixar a sensação de que aquilo que você fala é falso; faltará autenticidade, personalidade. E o resultado é a falta de interação, de sinergia; enfim, você não conseguirá transmitir a sua mensagem integralmente.

PASSO 5. Depois de todos esses passos, ensaie exaustivamente

Depois que você levantou o perfil do seu público, planejou sobre todas as etapas da sua apresentação, escolheu os melhores recursos para vender o seu peixe e entendeu que a sua abordagem precisa ter a sua cara, o passo final é praticar.

Mas por que praticar é tão importante? Porque a prática naturaliza a sua abordagem, permite que você encontre erros, que escolha melhor as palavras e valorize o que há de melhor naquilo que você planejou. É somente quando você pratica que é possível perceber equívocos e oportunidades.

Comece apresentando para você mesmo (pode ser na frente do espelho), grave sua apresentação e depois veja o que ficou bom e o que pode melhorar. Depois apresente para pequenos grupos de amigos e/ou familiares e peça que eles te avaliem e façam sugestões.

Perceba e valorize a sua linguagem não verbal. Os movimentos do seu corpo têm influência direta na aceitação das pessoas e na credibilidade que você pretende transmitir. E se quer mesmo aprender como fazer apresentações de impacto, mergulhe de cabeça, faça tudo com amor, sentimento e dedicação.

 

Quer ajuda para criar apresentações impactantes? Fale com a gente!

divulgue

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *