media training

Você sabe qual é a importância do media training para os profissionais?

Para algumas pessoas, falar em público pode ser um verdadeiro problema, que se torna ainda pior quando elas estão em uma posição de liderança e precisam se pronunciar em nome de determinada empresa, em uma entrevista, por exemplo.

No entanto, existem maneiras de se preparar para isso. É o caso do media training, um processo que tem como objetivo auxiliar o indivíduo a se expressar adequadamente perante os veículos de informação.

Neste post, vamos explicar com mais detalhes o que é o media training e apresentar os tipos existentes, além de mostrar como você pode identificar a necessidade de passar por esse treinamento e os benefícios decorrentes dele. Continue a leitura para ficar por dentro do assunto!

O que é o media training?

O media training — traduzido para o português como “treinamento de mídia” — é uma capacitação voltada para os porta-vozes da organização, ou seja, para as pessoas que falam em nome de uma determinada empresa ou instituição.

O objetivo desse treinamento é assegurar que o indivíduo em questão esteja realmente preparado para interagir com a imprensa. Dessa forma, o momento da entrevista pode se transformar em uma boa oportunidade de gerar mais visibilidade e oportunidades de negócio.

O media training vai auxiliar o representante da empresa a desenvolver suas habilidades de comunicação, respondendo às perguntas da melhor forma possível e apresentando informações relevantes para o público-alvo. Além disso, o treinamento vai prepará-lo para não ser pego de surpresa em relação a determinados questionamentos que possam ser feitos — em especial aqueles que envolvem temas polêmicos.

Um ponto interessante dessa capacitação tem a ver com o fato de que a pessoa não é orientada apenas em relação ao que deve ser falado, mas também sobre as ocasiões em que não deve se pronunciar sobre algum assunto que possa ser abordado.

Quais são os tipos de media training?

O media training conta com algumas práticas mais específicas, de acordo com o que é necessário em determinadas situações. Confira, a seguir, outros modelos desse treinamento.

Media training de crise

Esse tipo de capacitação é voltado para contextos nos quais a pessoa se encontra em um certo local e alguns dados sobre um contratempo hipotético são transmitidos, sendo que ela precisa lidar, simultaneamente, com o problema e com a mídia. O objetivo, nesse caso, é manter a boa imagem da instituição, mesmo em momentos de crise — como o próprio nome sugere.

Speaker training

O speaker training, por sua vez, está mais ligado à capacitação de quem exerce realmente a função de porta-voz, para que possa falar em público com mais desenvoltura e tranquilidade e também para aperfeiçoar sua apresentação frente à imprensa. Em geral, já está inserido no media training.

Social media training

O social media training é uma modalidade mais inovadora. Os colaboradores da empresa são treinados para aprenderem a se expressar e a lidar de forma adequada com o público, nas redes sociais, evitando contratempos em ambientes virtuais. Afinal, cada funcionário acaba se tornando um porta-voz da organização nesse contexto.

Cada uma das categorias citadas acima pode ser direcionada a um público específico — palestrantes, porta-vozes de grandes empresas —, de acordo com as necessidades que apresentam.

Em que situações o media training é necessário?

O treinamento não é indicado apenas para quem é porta-voz de uma organização. Políticos, executivos, atletas e empreendedores, por exemplo, também podem se beneficiar dessa preparação. Existem situações que deixam evidente a necessidade do media training. Veja algumas delas:

  • demonstrar insegurança ao falar em público;
  • aparentar excesso de seriedade e rigidez ao se comunicar;
  • dominar totalmente o tema a ser tratado, mas não conseguir abordar o assunto em questão de uma maneira clara e descomplicada para o público;
  • estar à frente de uma marca ou de uma empresa, sendo responsável por lidar com a mídia, sem nunca ter tido contato com a imprensa;
  • considerar que “nada a declarar” é o melhor a ser dito em situações de crise;
  • fugir da imprensa em momentos delicados;
  • tentar influenciar o jornalista.

Quais os benefícios do media training?

O media training é bastante recomendado para aquelas pessoas que falam com a imprensa em nome de uma marca. Porém, qualquer profissional pode se beneficiar ao fazer esse treinamento — mesmo que não precise lidar diretamente com a mídia —, uma vez que vai aprender boas práticas de comunicação. Desse modo, será possível estabelecer uma relação melhor com todos os colaboradores, no ambiente de trabalho.

A consolidação da imagem da organização gera mais credibilidade para a empresa e pode ser considerada a principal vantagem do media training. Contudo, esse não é o único ponto positivo. Veja mais alguns benefícios dessa capacitação.

Envio das mensagens corretas aos ouvintes/telespectadores

O assunto abordado deve ser transmitido de forma clara, para que seja facilmente compreendido pelo público. É importante citar que enviar a mensagem corretamente não tem a ver apenas com o que é dito pela pessoa. Pelo contrário, a forma como ela se comporta perante o entrevistador, sua postura frente às câmeras e o modo como se veste também são elementos levados em consideração.

Aumento da credibilidade

A pessoa que fala com a imprensa e representa a marca também precisa passar uma boa impressão, o que acontece quando se comunica bem e responde às perguntas de forma inteligente. Com isso, há um ganho de imagem e de reputação para a empresa.

Facilidade em evitar e em lidar com crises

Uma frase mal colocada pode gerar sérios problemas, comprometendo a imagem da empresa. Por esse motivo, é fundamental pensar bem no que será dito e na forma como a informação será transmitida.

Nos casos em que a organização já esteja passando por um momento de crise, é ainda mais importante elaborar a mensagem de forma clara, apresentando, com tranquilidade, informações precisas, que não deem margem a uma interpretação equivocada. Assim, será possível diminuir os efeitos negativos decorrentes dos conflitos e recuperar a boa imagem da empresa.

Se você quer aprimorar suas estratégias de comunicação e transmitir uma boa imagem de sua marca, investir em media training é indispensável. Esse treinamento é indicado para organizações que lidam com a mídia, pois contribui para que a marca seja percebida de forma positiva pelo público. Além disso, prepara o indivíduo que representa a empresa para agir adequadamente em eventuais momentos de crise.

Gostou deste post? Quer ficar sempre por dentro de outros assuntos como este? É só nos seguir nas redes sociais! Estamos no Facebook, LinkedIn, Instagram e YouTube!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.